PU3YKA - Osmar do Prado e Silva - Pelotas-RS - Variedades
Ciência - Astronomia - Telescópio Hubble - pág. 01

Telescópio Hubble

O   telescópio   Hubble   está localizado   fora   da   nossa atmosfera e orbita em torno da Terra a 593 km acima do nível    do   mar,    com   um período orbital   de cerca de 96 - 97    minutos     a   uma velocidade de 28.000 km/h.

Seu nome é em homenagem ao astrônomo Edwin Hubble, foi colocado   em órbita  em 24 de abril de 1990.

Ele pesa cerca de 11.000 kg tem forma   cilíndrica   com um   comprimento   de  13,2 metros e  um  diâmetro   de 4,2 m.  Este telescópio pode obter  imagens  do   cosmos em um arco de resolução de 0,1. segundo
Telescópio   Hubble -   pág. 01

A apresentação de imagens, textos e legendas sobre o Telescópio Hubble, é uma colaboração do amigo e colega de radioamadorismo, Raul Mendonça, PR8RL de São Luís, MA - Brasil.

Raul Mendonça tem seu blog em: Blog do Raul Mendonça
Gostou?

O telescópio Hubble está localizado fora da nossa atmosfera e orbita em torno da Terra a 593 km acima do nível do mar, com um período orbital de cerca de 96-97 minutos a uma velocidade de 28.000 km / h.
Seu nome é em homenagem ao astrônomo Edwin Hubble, foi colocado em órbita em 24 de abril de 1990.  Ele pesa cerca de 11.000 kg tem forma cilíndrica com um comprimento de 13,2 metros e um diâmetro de 4,2 m.  Este telescópio pode obter imagens do cosmos em um arco de resolução de 0,1. segundo
Estação Espacial Internacional
Terra vista desde o interior da Estação Espacial
A seguir, as melhores imagens do Hubble
Esta é a Galáxia Sombrero, também chamada M104 no catálogo Messier, sua distância é de 28 milhões de anos-luz.   Esta é considerada uma das melhores fotos que o Hubble tirou
Aqui nós temos a Nebulosa Formiga, assim chamada por causa de sua forma, localização: 3.000 e 6.000 anos-luz
Aqui está a Nebulosa Esquimó, a 5.000 anos-luz
Em quarto lugar, a Nebulosa Olho de Gato
Quinto lugar, a Nebulosa Ampulheta localizado a 8.000 anos luz.   É o resultado da explosão de uma estrela
Em sexto lugar, temos uma parte da Nebulosa do Cone, a 2,5 anos-luz
Na sétima posição, encontramos uma parte da Nebulosa do Cisne, localizada a 5.500 anos luz, descrita como um oceano de hidrogênio com pequenas quantidades de oxigênio, enxofre e outros elementos
Em 8 º lugar, esta bela imagem chamada de "Noite estrelada" é conhecida também como, Eco de Luz
Em nono lugar, duas galáxias que se fundem, NGC 2207 e IC 2163 localizadas a 114 milhões de anos-luz
Décimo lugar, um fragmento da Nebulosa Trífida com muitas estrelas, a 9.000 anos-luz
A seguir, outras imagens do Hubble
Voyager 1
Atual posição do Voyager 1 (102 AU
Planeta Dwarft en 2003 UB 313 (Eris)
Cometa HALLEY
M16: Nebulosa da Aguia
M57: Nebulosa Anel
Nebulosa RCW 79
NGC 2237: Nebulosa Rosette
M42: Nebulosa Orion
Proto-estrela
Via Láctea (o nosso sol é indicado)
Buraco Negro
NGC 4414
A Terra com nuvens
A Terra sem nuvens
A Terra e a Lua Crescente
A Terra e a Lua Nova
A Terra e a Lua Cheia
A Terra vista do espaço, à noite, pode-se ver até suas luzes
Uma representação plana de uma visão noturna

Seqüência de um amanhecer na Terra
 
 
PU3YKA - Osmar do Prado e Silva - Pelotas-RS - Variedades - Ciência - Astronomia - Telescópio Hubble - pág. 01